fbpx

Somos o que fazemos para mudarmos o que somos

Blog Sobre Coaching

TOMAR DECISÕES

TOMAR DECISÕES

Tomar decisões, talvez para você, seja uma atitude na qual você simplesmente julga a questão com a sua moral, com aquilo que é certo ou errado PARA VOCÊ e compara o custo benefício com a sua capacidade de lidar com as consequências da decisão a ser tomada…

E talvez não…

Pode ser que para você tomar decisões seja algo mais difícil, pode ser que para você se posicionar diante de um fato seja assustador…

E se eu ficar do lado errado?

E se eu me arrepender e ter que voltar atrás?

E se…

Talvez você sinta dificuldades em tomar decisões por não ter clareza sobre quais etapas existem neste processo de tomada de decisão… é possível você tenha tomado decisões embasadas apenas na sua moral, aquela que só cabe a você, aquela que não serve ao outro…

Quantas vezes sua tomada de decisão, ao invés de proporcionar uma transformação, apenas causou polêmica?

 

QUE RESULTADOS VOCÊ ALCANÇOU COM AS DECISÕES QUE TOMOU?

É possível que você, neste início de leitura, comece a refletir e a recordar sobre as decisões que tomou em sua vida até aqui e neste caso, você pode começar a reconhecer que é possível que algumas decisões tomadas possam ter lhe causado algum tipo de prejuízo: seja ele material, sentimental, financeiro…

Talvez você reconheça decisões que tenham lhe custado aspectos importantes de sua vida como. por exemplo:

  • um bom negócio;
  • um companheiro(a);
  • um emprego;
  • uma amizade;
  • uma reputação…

E como consequência de prejuízos causados por suas decisões anteriores, isto pode ter lhe causado medo de tomar novas decisões que talvez estejam custando hoje a você:

  • uma melhor qualidade de vida;
  • novas amizades;
  • um relacionamento;
  • uma carreira mais próspera;

Tomar decisões é algo que você fez, faz e fará a maior parte do tempo em todo o resto de sua vida!

É inerente a sua existência, sua existência é dependente de suas decisões!

E por isso é importante que você crie, desenvolva e aprimore técnicas de tomadas de decisões para minimizar ao máximo as perdas que elas acarretam (sim, sempre há perdas) e potencialize o que elas lhe trazem de bom!

 

TOMAR DECISÕES, GERA FRUTOS PARA VOCÊ?

Tomar decisões… Quais foram os frutos que nasceram das decisões que você tomou até aqui? Houve bons frutos ou surgiram frutos podres que apodreceram seus sonhos?

Qual seria a sua resposta hoje para essa questão?

É capaz que, neste momento, você comece a se questionar se algumas pessoas se afastaram de você por conta de decisões que você tomou…

Talvez você passe a perceber a ausência de um amigo(a), de seu pai, sua mãe, ou de um companheiro(a)… talvez de um filho(a)…

Talvez alguém que você desejasse que estivesse ao seu lado neste momento… talvez este texto lhe faça refletir: “atualmente eu sou feliz“?

Você sente-se feliz com a sua vida hojeEra com isso que você sonhava?

A casa em que você mora hoje é confortável para você? E o carro que usa, é o que você gostaria de ostentar? A família que você construiu, é a que você planejou…? Planejou?

Era essa a vida com a qual você sonhou?

Quantas decisões você tomou e que não surtiram o efeito que você desejava alcançar?

E pode começar a se tornar possível que você comece a reconhecer que as decisões que você tomou até este momento são responsáveis pelo seu atual estado de saúde física, mental, espiritual e material.

A SUA VIDA É O FRUTO DAS DECISÕES QUE VOCÊ TOMOU!

É possível para você reconhecer isto como um fato?

Então, talvez, você queira saber o que eu tenho para lhe dizer!

 

TOMAR DECISÕES PODE NOS CAUSAR DORES

O que suas decisões trouxeram a você e que você as classificou como conquistas hoje estão resolvidas e assentadas.

E aquelas que agora você começa a reconhecê-las como prejudiciais?

Você é capaz de apontar quais oportunidades essas decisões lhe custaram?

Alguma vez você tomou uma decisão que lhe prejudicou apenas para não desagradar alguém? Se sim, eu pergunto a você: quem você precisou agradar pagando com a sua felicidade? Essa pessoa está ao seu lado hoje? Quando você olha para trás e enxerga o que perdeu para agradar o outro, “valeu a pena!” é sua conclusão?

Talvez esta seja a primeira vez em que você questiona a eficiência dos seus mecanismos de tomada de decisão

Você sente algo sobre isto? Alegria, tristeza, medo ou raiva… talvez, agora, você esteja num momento de percepção, de identificação!

E dificilmente gostamos do reflexo que vemos no espelho!

Quer seguir adiante e descobrir mais sobre tomar decisões?

Quantas vezes você deixou a preguiça para tomar uma decisão por você?

Decida agora que hoje a preguiça não decidirá o que você deve fazer e continue lendo!

 

PARA TOMAR DECISÕES SÁBIAS, É PRECISO DISTÂNCIA

Se você chegou até este ponto do texto, então eu faço um convite a você!

Eu o convido a um mergulho!

Que você crie, neste momento, uma distância entre você que está lendo este texto agora e você que sempre tomou as decisões até aqui…

Com muita calma… devagar… apenas por alguns instantes…  se afaste dos papéis que você desempenhou na sua vida ao tomar decisões…

Em algum momento, você pode ter assumido o papel de um pai, de um carrasco, de um mártir ou de uma vítima para tomar uma decisão…

Eu não sei quais foram os papéis que você assumiu, tampouco sei quais foram as decisões que você tomou e menos ainda quais foram as consequências delas, mas eu sei que neste processo houve erros, acertos, alegrias, tristezas… elogios e decepções!

E eu sei disso por que eu sei que você é um ser humano! Que tem direito a errar e o direito nato de acertar! De perdoar e ser perdoado e de ser feliz

Agora, ciente disto, confortavelmente, apenas observe… como se estivesse numa sala de cinema, assistindo numa enorme tela aquele você que decide os passos de sua vida, aquele que exerce o seu poder de decidir…

Pode ser, que para você, neste momento, seja importante reconhecer os sentimentos que emergem ao testemunhar estas cenas… talvez você sinta alegria, raiva, nojo, medo… o que esse grande ator, desta imensa tela mental, que sempre decidiu a sua vida desperta em você?

Talvez, você constate que ele seja um carrasco, ou um bobo ou um ingênuo… talvez um exímio estrategista…

Seja o que for que você viu, eu garanto a você que ele foi alguém que fez o que tinha de fazer com as ferramentas de que dispunha na ocasião e que com elas ele fez o melhor que podia e arcou, do jeito que pode, com as consequências dessas decisões para que você chegasse até aqui!

Este ator fez o que tinha de fazer por você! E sabe o que mais?

 

VOCÊ É CAPAZ DE TOMAR DECISÕES QUE TRANSMUTAM

Eu não sei o que você sentiu ao ver aquele você tomando as decisões de sua vida…

Eu não sei o que você enxergou neste momento, tampouco sei o que as cenas desta enorme tela lhe mostraram…

Mas eu sei que a partir de agora, você poderá decidir o que fazer sobre isso!

E ao chegar neste ponto, talvez você chegue à conclusão de que é necessário exercitar a sua mente para tomar decisões, aperfeiçoá-la tal qual o atleta de corrida faz: ele treina suas pernas para que elas possam percorrer distâncias maiores do que aquelas que não treinam, que simplesmente andam!

E para que isso aconteça, o primeiro passo para que você possa decidir algo sobre isso é RECONHECER o que precisa ser melhorado!

E ao reconhecer você poderá decidir o que deseja transformar! Você poderá escolher, com consciência, o que deseja alcançar, à partir de agora, com as suas decisões!

E aqui você começa a perceber que é possível tomar decisões com poder para moldar o seu futuro a seu favor!

E, quem sabe, você já começa a perceber que tomar decisões já não lhe parece mais a mesma coisa do início do texto! E TEM MAIS!!! 

 

TOMAR DECISÕES É A VONTADE DE CHEGAR AO OUTRO LADO

Tomar decisões… o ato de decidir não se trata apenas de optar pelo certo ou errado, ficar do lado do bem ou do mal, da luz ou da escuridão… NÃO!

Citando uma sábia amiga: “aqui a circunstância deverá dar lugar a sua essência!”

Tomar decisões, sejam elas pessoais, coletivas ou profissionais tem a ver com quais serão os frutos que esta decisão irá dar a mim e aos que me rodeiam? Para qual direção essas decisões me guiarão?

Tomar decisão deve ser um ato consciente daquilo que você irá ganhar e daquilo que irá perder.

Sempre que houver ganhos haverá perdas! É UM FATO!

Tomar decisões tem a ver com antever as consequências que elas trarão em sua vida, e por isso é importante que você treine a sua mente, ofereça a ela condições, opções e cenários, para que ela escolha aquilo que será o melhor para você!

A SUA MENTE É SÁBIA, CONFIE NELA!

 

TOMAR DECISÕES É APREENDER, ELABORAR E INTEGRAR A REALIDADE AOS INDÍVIDUOS

E agora, após apreender conhecimentos básicos sobre tomar decisões e refletir sobre elas, pode ser que neste momento você se sinta pronto(a) para começar a pensar em elaborar e estruturar, de forma consciente, talvez pela primeira vez em sua vida, questões que lhe impedem de sair do ponto atual onde você se encontra de chegar ao ponto que idealiza como o melhor para você.

De posse das informações que estão contidas entre estes dois pontos, sua mente passa a ter mais recursos para ponderar e considerar as inúmeras possibilidades que se abrem diante de você para que possa tomar decisões melhores!

E ao tomar ciência disso, talvez você decida se re-inventar, e para isso é necessário que você se conheça e se reconheça para assim começar a aceitar que você também é capaz de tomar decisões!

Decisões que transformem seu atual estado, talvez de sofrimento, isolamento, ou prejuízo para algo melhor para você! Decisões que agregue pessoas em torno de você, em torno de um ideal comum, em torno de um bem maior coletivo!

Decisões que gerem viveiras que lhe propiciarão os mais doces vinhos!

 

TOMAR DECISÕES É TRANSFORMAR CRENÇAS E VALORES

Tomar decisões: uma simples tarefa, tão corriqueira, que no seu dia a dia, carrega em si tantas consequências que, talvez, você ainda não havia se dado conta delas até aqui, até este momento!

Respire fundo!!! Chegar até aqui exigiu de você passar por áreas densas de sua vida!

Eu não sei se você mergulhou em lembranças… e se mergulhou não posso dizer se foram boas ou más… pois a verdade é que eu não sei o que você visitou…

Eu não sei o que você recordou… não sei se você lembrou de alegrias ou tristezas… não sei se essa reflexão o fez reviver medos e raivas… eu não sei…

Mas eu sei que você sabe! Assim como sei que neste momento acendeu em você uma chama, uma vontade imensa dentro de você de fazer diferente!

Algo que deseja tomar uma decisão! Que quer experimentar seguir por uma outra estrada! QUE QUER SEGUIR UMA OUTRA DIREÇÃO!

Algo que deseja que você se torne uma pessoa melhor do que aquela que você desejava ser antes de iniciar a leitura deste texto!

E que reconhece que a vida é cheia de paradoxos:

  • que é do amor que nasce a dor;
  • que a dor pode gerar amor também!
  • Que o novo sempre há de depender do velho para nascer!
  • Que a sombra sempre será proporcional à intensidade da luz!
  • Quanto maior sua luz, maior será sua sombra!
  • Que onde há ganhos, sempre haverá perdas!
  • Que ao agradarmos uns, iremos desagradar outros!
  • “O que está em cima é como o que está embaixo!”
  • “O que está dentro é como o que está fora.”

E é disso que se trata tomar decisões: se trata não de eliminarmos, mas de aceitarmos e tentarmos minimizar os aspectos negativos que elas nos trazem!

Eu também sei que agora você está com a mente mais expandida do que antes de começar esta leitura… Eisntein nos disse:

a mente que se abre a uma nova ideia, jamais voltará ao seu tamanho original.”

ENTÃO AGORA EU POSSO LHE FALAR SOBRE:

 

O COACHING E A TOMADA DE DECISÕES

Com coaching você pode tomar decisões melhores e pode fazer muito mais! Coaching é a aplicação de ferramentas mensuráveis e validadas cientificamente, que tornam a tomada de decisão clara, segura e objetiva ao coachee!

O coach, no processo de coaching, auxilia o coachee a descobrir, estruturar e alcançar seus sonhos, objetivos e metas de uma forma sistêmica e contínua! Se você quer:

  • tomar decisões que gerem os melhores frutos possíveis
  • aprender a tomar decisões onde seja possível minimizar as perdas desta decisão
  • agregar pessoas às suas decisões
  • planejar e executar com excelência passos para metas e objetivos
  • ter maior controle emocional
  • transformar crenças que limitam seu potencial
  • alcançar novos patamares
  • desenvolver liderança

Com coaching você pode isto e muito mais! De forma mensurável, sem mágicas! Com esforço, dedicação e orientação na aplicação e desenvolvimentos de ferramentas que o ajudarão em sua jornada!

Se gostou do deste artigo sobre tomada de decisões e quer saber como o coaching pode lhe ajudar, me procure e agende uma consulta gratuita!

Talvez, para você, este possa ser o primeiro passo, rumo a uma nova direção em sua vida!

TOME A MELHOR DECISÃO POR VOCÊ!

Com coaching você pode!

Compartilhe :

Comments 1

  1. author Vagner posted Abril 8th 2018. 1:18 am Reply

    Texto longo, mas muito bom, caiu como uma luva em mim!
    Parabéns ao autor!

Deixe seu comentário ;D

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *